IFAC está entre as piores instituições de ensino do país, afirma INEP

ifacEm levantamento do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), por meio do Ministério da Educação (MEC), apontou que o Instituto Federal do Acre (Ifac) está entre as piores instituições de ensino do Brasil.

A pesquisa avaliou 2.109 instituições de ensino superior do país e, destas, o Índice Geral de Cursos (IGC) reprovou 313 instituições. As notas do ranking vão de 1 a 5 e as instituções que tiveram nota 2, como o Ifac, tiveram avaliações insatisfatórias.

Por meio de nota, o Ifac disse que o IGC não deve ser interpretado de maneira isolada, apesar de ser considerado um dos maiores indicadores para avaliar a qualidade da educação superior no país. O instituto acrescentou ainda que o levantamento é resultado do Conceito Preliminar do Curso de apenas cinco cursos que participaram do Exame Nacional da Educação Superior (Enade) e é referente aos anos de 2013 e 2015.

O Ifac ressaltou também que “não tem medido esforços em suas ações de regulamentação, organização e planejamento para a construção de uma gestão democrática e de uma Política de Ensino Superior capaz de estruturar e conduzir a formação dos estudantes com compromisso, solidez e transparência”.

O cálculo do IGC leva em consideração à média dos CPCs dos últimos três anos, relativos aos cursos avaliados da instituição, também a média dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação, além da distribuição dos estudantes entre os níveis de ensino, graduação e pós-graduação. As notas do Enade, estrutura da instituição, a qualificação dos professores e material didático-pedagógicos também são avaliados.

As informações são do G1 AC.