Cassinos e o futuro do Brasil

cassinoComo todos já devem saber, os cassinos em estabelecimentos físicos são expressamente proibidos no Brasil. No nosso país só são permitidos os jogos de cassino online onde os apostadores escolhem uma plataforma de sua preferência, opta pelo modelo de jogo que mais lhe agrada, aposta e se diverte jogando, tudo isso sem nem sequer sair de casa, pelo computador, tablet ou celular.

Mas, algumas pessoas não concordam com isso e se perguntam porque o Brasil sancionou essa lei proibindo os cassinos no Brasil. Afinal vários brasileiros viajam frequentemente para Punta del Este, Las Vegas e outros vários destinos só para jogar cassino. Isso significa milhões de reais que saem diariamente do nosso país. Fora a quantidade de emprego e de renda que esses estabelecimentos poderiam gerar mensalmente para as cidades, estados e, consequentemente para o Brasil.

O advogado Roberto Brasil Fernandes, especialista nas teses que defendem competência dos Estados para regulamentação dos jogos afirma, sobre o assunto:

“[…] também é notícia na mídia internacional o anúncio de Sheldon Adelson, CEO do Las Vegas Sands que prospecta investimentos de US$ 10 bilhões na construção de um cassino resort no Japão, Steve Wynn, CEO da Wynn Resorts, quer investir outros US$ 10 bilhões e Jim Murren da MGM investirá US$ 9,5 bilhões em Cassinos no Japão. Também é público que técnicos do Governo Federal (Ministério da Fazenda, CEF, Embratur) tem marcado presença nos Seminários e feiras de Jogos, com destaque para o Ice Tottaly Gaming (MF e CEF) que ocorreu em Londres/UK no último 3 de fevereiro, ocasião que tive o prazer de ouvir que o orçamento da União de 2017 conta com a receita proveniente dos “novos jogos em processo de regulamentação”.

A indústria do turismo será a maior beneficiária da volta dos Cassinos no Brasil, desde que a Lei acompanhe as melhores experiências mundiais, como é o caso verificado em países que adotaram práticas de jogo responsável e multidisciplinaridade nos Cassinos. Afinal, segundo conclusões do Seminário da Academia, com a participação de entidade internacionais, como a Interpol, não há experiência de sucesso, do ponto de vista social, da segurança pública e da saúde pública em países que optaram pela simples proibição da oferta de jogos, exemplos atualmente adotados pelos países islâmicos e o Brasil, únicas Nações do G20 que ainda não regulamentaram o jogo e toleram a prática clandestina.

Aliás, diga-se de passagem que o turismo vai muito bem nos países onde os cassinos são legalizados como Argentina, Las Vegas, Punta del Este, inclusive com milhares de brasileiros ajudando na economia desses países.

Enquanto o Brasil continua com essa proibição completamente sem sentido, nós temos que nos satisfazer com os jogos de cassino online que nos oferecem várias opções de jogos envolventes, divertidos, emocionantes e, claro, bastante lucrativos pois além da chance de ganhar nas apostas, essa modalidade de cassino ainda oferece aos seus apostadores vários tipos de bônus, descontos e até rodadas grátis, isso mesmo, rodadas grátis para você testar os jogos que ainda não conhece!