Bujari paga R$ 39,90 por tonelada de lixo à Prefeitura de Rio Branco

lixo-bujaA Prefeitura de Rio Branco vai passar a cobrar para fazer o tratamento do lixo doméstico que é enviado pela prefeitura de Bujari para a Unidade de tratamento de resíduos sólidos, UTRE, que fica a 25 quilômetros de Rio Branco na BR-364.

Informado por nossa equipe que vai ter que desembolsar R$ 39,90 por cada tonelada de lixo, o prefeito de Bujari, Romualdo de Souza (PCdoB), disse que não tem outra saída: “preciso pagar para evitar fazer novos danos ao meio ambiente voltando a despejar no antigo lixão, que foi embargado a pedido do Ministério Público”, relatou.

Todos os dias, os funcionários da coleta de lixo de Bujari seguem a mesma rotina: lotam o caminhão e rodam mais de 100 quilômetros para despejar os resíduos na Utre. Uma logistica que tem um valor alto para o município com o gasto de combustível.

A prefeitura do Bujari ainda não sabe quanto vai gastar a mais, mas não tem outra saída. Voltando a usar o lixão da cidade o prefeito pode ser multado e responder processos por crime ambiental.

Em entrevista, Romualdo de Souza informou que não tem recursos para construir um aterro controlado. “A prefeitura não tem dinheiro para montar um plano de saneamento e resíduos sólidos. Ele planeja credenciar o município a buscar recursos para a construção de um aterro controlado”, explicou.

A Prefeitura de Rio Branco tinha montado um consórcio para que a Prefeitura de Senador Guiomard também pudesse usar a unidade tratamento de resíduos sólidos, mas, o prefeito André Maia, não quis e o lixo do município continua sendo jogado no lixão da cidade às margens da rodovia AC-40.

As informações são do site Agazeta.net, por Adailson Oliveira.

1 Comentário

Comments are closed.