Desemprego: Acre tem mais demissões que contratações em outubro, aponta Caged

emprego-acDados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta segunda-feira (20) pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), revelam que o Acre fechou o mês de outubro com -216 postos de emprego formais. Logo depois vem o Amapá com -49%.

Em todo o país, segundo o Caged, foram abertas 76.599 vagas com carteira assinada e três setores impulsionaram o saldo positivo, indústria de transformação, comércio e serviços. Por outro lado, cinco fecharam o mês de outubro com o saldo negativo, entre eles o da construção civil, com menos 4.764 empregos formais.

Na região Norte, o crescimento foi de 0,24% com mais de 4.210 postos de trabalho. O Amazonas está no topo com a maior geração de empregos, 2.605. Depois aparecem Tocantins, com 679, Pará 667, Rondônia, 476, e Roraima com 48.

As informações são do G1 AC, por JAC 1ª Edição, Tony Winston/Agência Brasília.